Capa

FASP - Asfalto Campeonato Paulista de Automobilismo

Campeonato Paulista ganha nova categoria: Copa Joy Chevrolet

Modelo de entrada do pequeno hatch estreia na terceira etapa

09.09.2020  |  249 visualizações

O Campeonato Paulista de Automobilismo, o maior campeonato regional do automobilismo brasileiro, ganha neste fim de semana uma categoria voltada a pilotos de diferentes níveis de experiência e com foco em baixo custo de preparação e manutenção. Iniciativa da Alpie Competições, a Copa Joy Chevrolet vai utilizar modelos do hatch de entrada da marca, todos eles com preparação equalizada e com manutenção a cargo do promotor. José Luiz Soave, presidente do Automóvel Clube da Lapa (ACL), o organizador da terceira etapa do campeonato, considera importante a chegada de uma categoria com apoio oficial de um fabricante:

“O Automóvel Clube da Lapa está orgulhoso de registrar a estreia de uma categoria que carrega o nome de um dos maiores fabricantes de automóveis de todo mundo e é operada por uma das escolas de pilotagem mais tradicionais do País. Esta combinação de valores consolida a seriedade do trabalho da FASP.”

Para o presidente da Federação de Automobilismo de São Paulo, José Aloizio Cardozo Bastos, a chegada da Copa Joy Chevrolet consolida os princípios que norteiam a entidade fundada em 1961:

“Damos as boas-vindas à Alpie Competições e a General Motors pela iniciativa. Criar uma categoria de fácil acesso não significa abrir mão de conceitos e valores que comprometam a segurança dos competidores e o respeito às normas do esporte. A chegada dessa nova categoria aumenta ainda mais a responsabilidade da FASP em promover o automobilismo com seriedade e profissionalismo.”

Empresa fundada pelo ex-piloto Aldo Piedade e atualmente administrada por seus filhos, a proposta da Alpie Competições ao criar a mais nova categoria do esporte focou em atender uma parcela ampla de pilotos, como explica Erika Piedade, diretora do grupo:

“Nossa proposta é oferecer um campeonato com carros de preparação equalizada e baixo custo para atender aos alunos graduados em nosso curso de pilotagem e outros que já disputaram provas do antigo Campeonato de Marcas.”

Entre os nomes já confirmados para as provas do final de semana estão pilotos experientes - como Edgard Amaral e Alexandre Peppe- e alunos formados pela escola de pilotagem Alpie, caso de Patrick Callmann e Allan Saleh. O grid de largada da primeira prova poderá chegar a 17 carros, sendo que outros três estão em fase final de preparação, número que deverá ser mantido na próxima temporada. O custo por prova é de R$ 6.500,00 mais a inscrição, no valor de R$ 950,00. Os carros são cedidos pela General Motors e entre os apoiadores do projeto estão marcas como Goodyear, Hyper Freios e Protune.

Leia também...
24.11.2020

Carioca venceu a categoria Sprinter na Copa São Paulo Light de 2020

24.11.2020

Temporada 2021 entra em sua fase final com três corridas no Oriente

18.11.2020

Poucos pilotos entre os quase 300 que participaram da Copa São Paulo Light 2020 percorreram uma distância tão grande rumo a um título quanto Lucas Mendes, campeão da categoria Júnior.

17.11.2020

O feito de Lewis Hamilton ter conquistado seu sétimo título de campeão mundial é interpretado de várias maneiras: sobra quem diga que só aconteceu porque ele tem o melhor carro e outros que enxergam a repetição de ciclos que marcam a história da humanidade.